Dia Mundial dos Animais World Animal Day


Este slideshow necessita de JavaScript.

Dia Mundial dos Animais

World Animal Day

MISSÃO DO DIA MUNDIAL DOS ANIMAIS

Para elevar o status dos animais, a fim de melhorar os padrões de bem-estar em todo o mundo. Construir a celebração do Dia Mundial do Animal une o movimento do bem-estar animal, mobilizando-o para uma força global para tornar o mundo um lugar melhor para todos os animais. É comemorado de maneiras diferentes em todos os países, independentemente da nacionalidade, religião, fé ou ideologia política. Através de uma maior conscientização e educação, podemos criar um mundo onde os animais são sempre reconhecidos como seres sencientes e o respeito total é sempre pago ao seu bem-estar.

MISSION OF WORLD ANIMAL DAY 

To raise the status of animals in order to improve welfare standards around the globe. Building the celebration of World Animal Day unites the animal welfare movement, mobilising it into a global force to make the world a better place for all animals.  It’s celebrated in different ways in every country, irrespective of nationality, religion, faith or political ideology.  Through increased awareness and education we can create a world where animals are always recognised as sentient beings and full regard is always paid to their welfare.

https://www.worldanimalday.org.uk/

Anúncios

Programa Internacional do Atlântico de Lançamento de Satélites (PT/EN)


Space Today

FEATURE: Programa Internacional do Atlântico de Lançamento de Satélites (PT/EN)

Programa Internacional do Atlântico de Lançamento de Satélites (PT/EN)

Programa Internacional do Atlântico de Lançamento de Satélites: Serviços de Lançamentos para o Espaço da Ilha de Santa Maria nos Açores – Setembro 2018

Atlantic international Satellite launch Programme: Launch services to Space from the Island of Santa Maria, Azores September 2018

https://www.portugal.gov.pt/pt/gc21/comunicacao/documento?i=programa-internacional-do-atlantico-de-lancamento-de-satelites

An International Call for Interest A Joint Initiative of the Government of Portugal and the Regional Government of the Azores, through the Portuguese Science and Technology Foundation (FCT) and the Mission Structure of the Azoresfor Space (EMA-Space), with the technicalsupport of the European Space Agency (ESA)

Economic growth and the creation of skilled jobs can be achieved by stimulating the market uptake of space-based and space-enabled services that deliver a wealthy amount of space data and signals. Global internet coverage, autonomous vehicles, remotely operated vehicles, smart agriculture and the…

View original post mais 412 palavras

Hey, Mr. Spock, we found your home!


Space Today

FEATURE: Hey, Mr. Spock, we found your home!

©Desilu Productions/Paramount Pictures Corporation ©Desilu Productions/Paramount Pictures Corporation

Hey, Mr. Spock, we found your house.
It’s true, centuries before we met in person, we discovered your planet. Logical, of course.

Vulcan-like Planet Found… for Real

“This is the best and coolest piece of news I’ve read in a while,” Anson Mount — Star Trek: Discovery’s Captain Pike — posted the other day on his Facebook page. “Planet Vulcan is real, people!”

Here’s the scoop. Star Trek creator Gene Roddenberry, along with Sallie Baliunas, Robert Donahue and George Nassiopoulos, a trio of astronomers with the Harvard-Smithsonian Center for Astrophysics, chose to link Vulcan with an actual exoplanet, which orbits a star named 40 Eridani A. That occurred back in July, 1991, in a letter published in Sky & Telescope, just a few months before Roddenberry’s death. References were made to 40 Eridani A in several Trek-related books, as well as on Star Trek: The…

View original post mais 1.540 palavras

Adesão de Portugal à Convenção relativa ao Registo de Objetos Lançados no Espaço Exterior (PT/EN)


Space Today

FEATURE: Adesão de Portugal à Convenção relativa ao Registo de Objetos Lançados no Espaço Exterior (PT/EN)

Comunicado do Conselho de Ministros de 6 de setembro de 2018

“Foi aprovada a adesão de Portugal à Convenção relativa ao Registo de Objetos Lançados no Espaço Exterior, adotada em Nova Iorque a 12 de novembro de 1974.
Esta Convenção institui um sistema de registo dos objetos espaciais por estes lançados, o qual é transmitido ao Secretário-Geral das Nações Unidas, com vista a que se exerça um controlo do lançamento de objetos no Espaço Exterior.
A adesão de Portugal justifica-se com o envolvimento crescente do país em atividades espaciais, designadamente no programa europeu Space Surveillance and Tracking (SST), assim como na Agência Espacial Europeia e no UNCOPUOS (United Nations Committee on the Peaceful Uses of Outer Space) e as responsabilidades que daí decorrem.”

Accession of Portugal to the Convention on the Registration of Objects…

View original post mais 128 palavras

À procura da generosidade humana nos bonobos


À procura da generosidade humana nos bonobos

À procura das origens da generosidade humana na oferta de um macaco para outro.

Estudar o comportamento de nossos parentes vivos mais próximos pode ajudar os cientistas a entender melhor o impulso humano para a generosidade.

Seeking Human Generosity’s Origins in an Ape’s Gift to Another Ape

Studying the behavior of our closest living relatives may help scientists better understand the human impulse for generosity.

In New York Times

https://www.nytimes.com/2018/09/11/science/generosity-apes-bonobos.html

Refira-se que o artigo analisa o comportamento dos bonobos, um chimpazé que assume algumas carateristicas algo diversas da espécie mais comum e mais conhecida, em particular, no que respeita ao seu comportamento social.

Bonobos

O bonobo (nome científico: Pan paniscus), também conhecido como chimpanzé-pigmeu (menos frequentemente como chimpanzé-anão ou grácil) é uma das duas espécies compreendidas pelo género Pan. A outra espécie corresponde ao chimpazé comum (Pan troglodytes).

Fisicamente, o bonobo distingue-se pelas pernas relativamente longas, lábios cor-de-rosa e o rosto moreno. O bonobo ocupa uma área de cerca de 500 000 km² da Bacia do Congo, na República Democrática do Congo, na África central. A espécie é omnívora e habita as florestas primárias e secundárias, incluindo as áreas pantanosas.

Tal como os humanos, os bonobos são capazes de passar no teste do espelho. Comunicam principalmente através de meios vocais, embora ainda não se conheça o significado das suas vocalizações. Contudo, os humanos conseguem descodificar as suas expressões faciais, bem como alguns dos seus gestos, como o convite para brincar. De igual forma, foram também registados casos em que estes primatas manifestaram a sua alegria, enquanto um estudo comparativo permitiu observar os sons feitos por bebés humanos e bonobos sempre que lhe eram feitas cócegas.

A Lista vermelha da IUCN classifica os bonobos como uma espécie ameaçada de extinção. As principais ameaças às populações de bonobos são a perda do habitat e a caça de carne de animais silvestres, que aumentou drasticamente durante a Primeira e a Segunda Guerra do Congo na República Democrática do Congo.

The japanese kid who wanted to go the Moon


Space Today

FEATURE: The japanese kid who wanted to go the Moon

Once upon a time, there was in Japan a small boy who dreamed of going to Moon.

Years later, he’s getting ready to go.

Meet Mr. Yusaka Maezawa.

SpaceX tourist revealed: Japanese billionaire Yusaku Maezawa to fly around moon

Japanese billionaire, online fashion tycoon and art collector Yusaku Maezawa will be the first civilian passenger to circle the moon. The businessman is set to blast off on a SpaceX rocket in 2023.

“I choose to go to the moon,” Maezawa said to cheers and applause at the California headquarters of the US aerospace company, after being introduced by SpaceX CEO Elon Musk.

Maezawa is the 18th richest person in Japan, according to Forbes magazine. The 42-year-old said he will invite six to eight artists, architects, designers and other creative people on the weeklong journey in 2023.

“They will be asked to create something after they return to Earth,”…

View original post mais 1.935 palavras