O dia em que a Itália baixou as calças


Os italianos baixaram as calças. Lamentável que se acobardem perante o líder de um país dominado pela religião – modelo perigoso, seja lá qual for a religião em causa – e que contraria todos os princípios da democracia. Não há justificação nem sequer desculpa para uma democracia soçobrar a uma ditadura. Absolutamente nenhuma. É vergonhoso.
Felizmente, a França não cedeu à estupidez. Vive la France.

Palavras abaixo da autoria de Sigurd Wongraven. Um senhor que, tal como eu, gosta muito pouco de quem se rende sem luta.

image

Anúncios